Arquivado em la Categoría » Como decorar parede «

quarta-feira, agosto 25th, 2010 | Author:

Decoração de parede para ambiente

Nos Estados Unidos, artistas modernos utilizaram os efeitos do trompe-roeil para transformar fachadas de prédios, tapumes e muros em imensas telas coloridas. As maravilhas do trompe-oiel chegaram ao Brasil entre o final do século passado e o começo deste importadas pelos imigrantes europeus. Assim como na Inglaterra, na França e na Itália, aqui ele enriquecia a decoração de casarões das famílias mais tradicionais da época. Hoje. mais acessível, está ao alcance das mãos (e dos olhos) de todos e pode ser aproveitado em qualquer ambiente da casa. As artistas plásticas Pimpa e Gogó Alcântara, de São Paulo, especialistas na técnica (c que ensinam aqui o passo-a-passo). levam há dez anos a criatividade de seus pincéis para lojas, hotéis, restaurantes e casas. Formadas pela famosa escola do professor Van der Kellen. em Bruxelas, na Bélgica, com mais de 200 anos de tradição, chegaram até a pintar vasos com flores e folhagens numa clínica de cirurgia plástica. O trompe-roeil ilumina, alegra, cria um clima dc tranqüilidade e até aumenta o tamanho de um ambiente. E claro que é preciso sempre uma generosa dose de bom senso, para não deixar sua casa com cara de cenário de TV.

Compartilhe no:
  • Orkut
terça-feira, agosto 24th, 2010 | Author:

Decoração para parede da casa

Os habitantes mais ricos de Pompéia (civilização que foi soterrada depois da erupção do Vesúvio em 79 d.C. e que. por isso, tem algumas construções conservadas até hoje) já decoravam as paredes de suas casas com paisagens, janelas, portas, colunas falsas e painéis imitando mármore – prova de que o irompe-l”ocil começou a ser desenvolvido pelos gregos c romanos ainda antes de Cristo. Escritores da época descrevem talentos como o pintor Zêuxis. um dos maiores artistas gregos da segunda metade do século V a.C, hábil em criar painéis extremamente realistas. Segundo os relatos antigos, ele pintou cachos de uva com tanta riqueza de detalhes que os pássaros tentavam comê-los. O trompe-1’oeil foi aperfeiçoado na época da Renascença italiana, com a invenção da perspectiva -técnica de representação numa superfície plana que dá sensação tridimensional. Grandes mestres da pintura italiana, como Giotto, Veronese e até Michelangelo. aproveitaram esse recurso para dar vida às suas obras. Assim, o trompe-loeil atravessou os séculos, ornamentou paredes, tetos de palácios, igrejas e museus da Europa e chegou ao século XX como um atrativo extra da decoração e também cênico. Estúdios de televisão e cinema usam a pintura para reproduzir objetos e paisagens nos sets de filmagem e nos palcos de teatro.

Compartilhe no:
  • Orkut
segunda-feira, agosto 23rd, 2010 | Author:

Decoração de parede para sala

VERDADEIRO OU FALSO?
Uma poria que se abre para uma praia ensolarada bem no meio da sala de um apartamento, estantes recheadas de livros que não acumulam pó. vasos com belíssimas flores que nunca precisam ser regadas, paredes ou pisos de cimento que se transformam em mármore ou madeira nobre. Mágica? Nada disso. E a arte dos pincéis e tintas que imita a vida. Munidos de talento, os artistas criam tudo o que a sua imaginação pode alcançar com um recurso de pintura conhecido como trompe-1’oeil. É a arte áofake que produz uma ilusão de ótica, para enganar os olhos (daí a origem da expressão Francesa). Com efeitos dc luz e sombra em pontos estratégicos, os objetos representados saltam da parede, ganham impressão de relevo e textura tão reais que a vontade de tocai’ com as mãos e conferir é irresistível.

Compartilhe no:
  • Orkut
domingo, agosto 22nd, 2010 | Author:

Como decorar parede passo a passo

Como decorar parede:
Os motivos ganham relevo e textura.
1° passo: desenhar:
Esboce o desenho num papel e já defina as cores que serão aplicadas. Passe o desenho para a parede com lápis, papel e régua.
2° passo: delimitar:
Marque a área do trabalho com fita crepe para que a tinta não ultrapasse os limites do desenho.
3° passo: de trás para a frente:
Para dar o volume ideal dessa técnica, comece o traçado de trás para a frente. Desenhe a prateleira usando régua, pincel chato, de pêlo bem macio, e tinta preta diluída em água. Trace a linha de trás usando a régua como apoio. A partir dessa linha reta, ainda com a tinta diluída, trabalhe o degrade, ou seja: mais escuro atrás e mais claro na frente. Dessa forma se obterá o efeito de volume – claro e escuro. Tinta utilizada: black 1060, da Gato Preto.
4° passo: os caules:
A artista plástica Pimpa (ver quadro nas páginas seguintes) inicia o trabalho. Com um pincel fino, trace filetes em vários tons de verde, trabalhando com tons claros e escuros. Esse truque dá volume ao trabalho.Tintas utilizadas: amarelo-ocre, da Liquitex. terra verde, da Deco. sombra natural e marrom, da Acrilex.
5° passo: as flores:
Salpique de tinta meio seca as extremidades dos caules usando um pincel chato. Neste desenho existem três maços de flores. O maior foi pintado com uma mistura de azul-ultramar, magenta purple e sombra natural, da Acrilex. No médio foram usadas as tintas branco, da Gato Preto, amarelo-ocre, da Liquitex, e sombra natural, da Acrilex. E, no menor, magenta purple e azul-ultramar, da Acrilex, e branco, da Gato Preto.
6° passo: os lacinhos:
Pinte um arremate ao redor dos maços de flor usando estas tintas: branco, da Gato Preto, amarelo-ocre e sombra natural, da Acrilex. Espere secar por mais ou menos 1 hora.
7° passo: as sombras:
Cubra o desenho da prateleira com fita crepe; assim a pintura da sombra não invadirá o que já está pronto. Faça uma mistura de preto com água até chegar a um “preto transparente”. Com um pincel fino faça as sombras. Preste bem atenção de onde vem a luz principal do quarto ou do lugar onde está o desenho para a sombra ficar de acordo com a entrada da luz.

Compartilhe no:
  • Orkut
sábado, agosto 21st, 2010 | Author:

decoração para paredes

Trompe-Toeil.
Criando ilusões na pared.
Mão firme e pincéis a postos. Aprenda a transportar essa arte vista em museus, palácios e murais para dentro de sua casa. Para fabricar esse sonho é preciso saber desenhar e ter noções de pintura.
MATERIAL:
• tintas das marcas (lato Prelo, Acrilex, Liquitex e Deco.
• pincéis de pintura.
• lápis.
• borracha.
• régua de madeira.
• paleta.
• fita crepe.
• retalhos de tecido.
• recipiente com água.
Tudo é pintura: o nicho com vaso de flor no hall de entrada, ã esquerda, trabalho de Janise Zanchetta; a grande janela na sala de estar acima e a pasiagem marítima, com direito a livros e até ao gato, no quarto abaixo.

Compartilhe no:
  • Orkut