Arquivado em la Categoría » Toalhas de mesa «

segunda-feira, maio 13th, 2013 | Author:

Com motivo e cores bem atuais, a lúa e as estrelas ficam ótimas em toalhas rústicas ou jogos americanos. No arremate, ponto ajur ou simples desfiados.

Compartilhe no:
  • Orkut
quarta-feira, junho 06th, 2012 | Author:

CROCHE.
De tríângulo em tríângulo.
Da soma dos triângulos, um lindo centro de mesa oval.
Diferente e bem versátil, o centro de mesa amarelo claro fica bem em tampos de madeira ou vidro e adapta-se a ambientes tradicionais ou arrojados.
São oito os triângulos que se repetem e se unem numa composição mais que perfeita.

Compartilhe no:
  • Orkut
Publicado em: Toalhas de mesa  | Tags:  | Deixe um comentário
sábado, outubro 15th, 2011 | Author:

Toalhas em renda

TOALHA COM RENDA BRANCA.
DIFICULDADE: ****
DIMENSÕES:
A renda tem 16 cm de altura.
MATERIAL:
Linha de algodão Tricotar Âncora n° 20 em branco, 200 g. Um carrinho de linha “Corrente” n° 50 em branco n° 7901. Uma agulha de crochet “Mil-ward” n° 0.75 e uma agulha de costura n° 9. Todos os produtos são da Coats & Clark. Tecido de linho um quadrado com 100×100 cm.
PONTOS UTILIZADOS:
Malha de cadeia, malha rente, malha baixa, malha alta, malha alta dupla, malha alta tripla, malha alta quádrupla, malha alta quíntupla, 1 borboto (= 3 m cadeia e fechar com 1 m rente na 1a m cadeia).
EXECUÇÃO:
Começa-se por trabalhar uma “ourela” que pode ser a parte central da renda. Depois, seguem-se os dois lados da renda.
OURELA:
Executar 3 m cadeia. 1a-187a volta: Virar e trabalhar 5 m cadeia, 3 m altas nas m de base. 188a volta: Virar e trabalhar 5 m cadeia, 1 m rente, 1 m baixa, 1 m alta. 189a volta: Virar e trabalhar 5 m cadeia, 1 m alta, 1 m baixa, 1 m rente. Continuar, repetindo desde a 1″ até à 187a volta, tal como está indicado, fechar. Cortar e rematar a linha.
RENDA INTERNA:
1a volta:’ Trabalhar em cada arco 1 m baixa (substituindo a 1a m da volta por 2 m cadeia), 6 m cadeia ‘. Repetir de * até ‘ durante toda a volta. Para a parte dè canto, prender 1 m baixa no último arco do 1° lado e a 1a m baixa no 1o arco do lado a seguir. Depois, trabalhar 1 motivo de cada vez, alternando-os.
“CESTOS”:
1″ volta: A partir do 3o arco trabalhar’ 1 m baixa (substituindo a 1a m da volta por 2 m cadeia), 4 m cadeia, 1 m baixa no arco seguinte, 4 m cadeia “. Repetir de” até” durante 4 vezes. 2a volta: Virar e trabalhar * 1 m baixa (substituindo a 1a m da volta por 2 m cadeia) em cada arco, 4 m cadeia *. Repetir de ” até * durante 8 vezes, executando também 1 m baixa na 1a e na última m baixa de base. 3a volta: Virar e trabalhar * 1 m baixa (substituindo a 1a m da volta por 2 m cadeia) em cada arco, 4 m cadeia *. Repetir de * até * durante 9 vezes, executando ainda 1 m baixa na 1a e na última m baixa de base. 4a volta: Virar e trabalhar’ 1 m baixa (substituindo a 1a m da volta por 2 m cadeia) em cada arco, 4 m cadeia *. Repetir de * até ” durante 10 vezes, executando ainda 1 m baixa na 1a e na última m baixa de base. 5a-8° volta: Virar e trabalhar * 1 m baixa (substituindo a 1a m da volta por 2 m cadeia) em cada arco, 4 m cadeia “. Repetir de” até * durante 12 vezes. 9a volta: Virar. Colocar-se no 2° arco e trabalhar’ 1 m baixa (substituindo a 1a m da volta por 2 m cadeia) em cada arco, 4 m cadeia “. Repetir de ” até ‘ durante 10 vezes. 10a volta: Virar. Colocar-se no 2o arco e trabalhar * 1 m baixa (substituindo a 1a m da volta por 2 m cadeia) em cada arco, 4 m cadeia *. Repetir de” até * durante 9 vezes. 11a volta: Virar. Colocar-se no 2° arco e trabalhar’ 1 m baixa (substituindo a 1* m da volta por 2 m cadeia) em cada arco, 4 m cadeia *. Repetir de * até ” durante 8 vezes. 12a volta: Virar. Colocar-se no 2o arco e trabalhar ” 1 m baixa (substituindo a 1a m da volta por 2 m cadeia) em cada arco, 4 m cadeia *. Repetir de ‘ até * durante 7 vezes. Fechar. Cortar e rematar a linha.
Saltar 7 arcos da 1a volta da renda interna e executar mais outros 8 “cestos”. Trabalhar do mesmo modo para o outro lado.
“FESTÕES”:
Nos arcos entre os “cestos” trabalhar da seguinte forma:
1a volta: * Executar 3 m altas triplas fechadas juntas (substituindo a 1a m da volta por 5 m cadeia), 8 m cadeia, m altas triplas fechadas juntas, sa arco *. Repetir de ” até * dura vezes. 2a volta: Virar e trabalhai baixa para unir à 4a volta de um em cada arco executar 1 m (substituindo a 1a m da volta po cadeia), 1 borboto, 1 m baixa Repetir de * até * durante 3 v saltar para o arco seguinte de @ até @ durante 4 vezes unir com 1 m baixa à 4a volta do seguinte. 3a volta: Virar e coloca com m rente no 2° borboto, uni volta do cesto; ‘ executar 1 m (substituindo a 1a m da volta po cadeia), 3 m cadeia, saltar para boto seguinte *. @. Repetir de * durante 3 vezes, saltar para o seguinte @. Repetir de @ até  di 11 vezes. Depois, unir com 1 m b 6a volta do cesto. 4a volta: Virar 6 cutar 1 m baixa (substituindo a 1a volta por 2 m cadeia), ‘ 1 m ba borboto, 1 m baixa, saltar para c seguinte *. Repetir de’ até” dure vezes. Trabalhar 13 m cadeia e no 4° borboto acabado de exe Virar e, no arco, trabalhar @ 2 m b 2 m cadeia @. Repetir de durante 4 vezes. Trabalhar baixas e continuar com o trabalho volta, repetindo de * até * dura vezes. Depois, unir com 1 m baix; volta do cesto. 5a volta: Virar e se com m rente na 8a volta do executar 5 m cadeia, 1 m alta entn e o 2o borboto e, depois, balhar as 2 m cadeia do arco e cadeia da volta anterior, ” 3 m quádruplas, 5 m cadeia, 3 m altas druplas, saltar para o arco de cadeia seguinte *. Repetir de durante 4 vezes. Continuar com balho da 5a volta e executar 1 n entre o 9o e o 10° borboto, 5 m cadeia, 1 m baixa na 8° volta do outro cesto. Fechar. Cortar e rematar a linha. Nos arcos entre os grupos de m altas quádruplas trabalhar 5 m baixas. @ Repetir de * até * durante 2 vezes e executar 5 m baixas para cada arco. Depois, trabalhar ainda 9 m cadeia, fixá-las na 1a m baixa do arco acabado de executar. Virar o trabalho e, no arco, trabalhar 14 m baixas. Virar @. Repetir de @ até @ durante 3 vezes. Trabalhar ainda 5 m baixas no arco. Depois, unir com 1 m baixa à 6a volta do cesto, fechar. Cortar e rematar a linha.
ACABAMENTO ENTRE OS “CESTOS”:
Executar os “festões” entre os cestos. Entretanto, para os lados, trabalhar do seguinte modo:
1a volta: 1 arco lateral com 5 m cadeia, no arco seguinte 3 m altas triplas fechadas juntas, 7 m cadeia, 3 m altas triplas fechadas juntas. Fixar à 5a volta do 1o cesto. 2a volta: Virar e trabalhar * 1 m baixa (substituindo a 1a m da volta por 2 m cadeia), 1 borboto, 1 m baixa *. Repetir de * até * durante 2 vezes.
ACABAMENTO DE CANTO ENTRE OS DOIS “CESTOS”:
1a volta: 1 arco lateral com 5 m cadeia, no arco seguinte trabalhar 3 m altas triplas fechadas juntas, 7 m cadeia. Fixá-las na 5a volta do 1° cesto. 2a volta: Virar e trabalhar no arco 6 m baixas (substituindo a 1a m da volta por 2 m cadeia), 1 borboto, 1 m baixa.
CONTINUA O ACABAMENTO PARA TODA A RENDA INTERNA:
1a volta: A partir do 1o arco de 5 m cadeia da “ourela”, trabalhar 6 m cadeia, 1 m baixa no 10 grupo de 3 m altas fechadas juntas, 6 m cadeia, § 1 m baixa na 11a volta do cesto, * 5 m cadeia, saltar 1 arco de base, 1 m baixa *. Repetir de * até * durante 4 vezes. & 5 m cadeia, 7 m cadeia e fixá-las em correspondência no 1o grupo de 3 m altas fechadas juntas. Virar e, no arco de 7 m cadeia, executar 4 m baixas, 1 borboto, 4 m baixas. Virar, 5 m cadeia e, no arco de 14 m baixas, $ trabalhar na 4a m baixa @ 1 m alta dupla, 3 m cadeia, 1 m alta dupla, saltar 2 m de base @. Repetir de @ até @ durante 3 vezes. Trabalhar ainda 2 m cadeia $. Repetir de $ até $ durante 3 vezes. Trabalhar ainda 3 m cadeia e 7 cadeia e fixá-las em correspondência no 8o grupo de 3 m altas fechadas juntas. Virar e, no arco de 7 m cadeia, executar 4 m baixas, 1 borboto, 4 m baixas, 5 m cadeia & §. Repetir de § até § durante 7 vezes. Executar 1 m baixa na 11a volta do cesto. Repetir de * até * durante 3 vezes. Rodar e repetir de * até * durante 3 vezes no outro cesto. Repetir de & até & durante 1 vez e, depois, repetir de § até § durante 6 vezes. Continuar, trabalhando ainda 1 m baixa na 11a volta do último cesto. Repetir de * até * durante 4 vezes. Depois, 6 m cadeia, 1 m alta entre o último e o penúltimo borboto, 6 m cadeia, 1 m baixa no grupo. 2a volta: Em cada arco grande, trabalhar 2 m baixas, 1 borboto, 2 m baixas, 1 borboto e, nos arcos mais pequenos, 2 m baixas, 1 borboto, 2 m baixas, fechar. Cortar e rematar a linha.
RENDA EXTERNA:
Do lado oposto da “ourela”, começar o trabalho da seguinte forma: Executar uma outra “ourela” ao lado do começo da ourela de partida e trabalhar em serpentina, unindo-a às 50a, 52a e 54a voltas respectivamente com as 20a, 22a e 24a voltas da ourela de base, da seguinte forma: substituir as 5 m cadeia iniciais por 3 m cadeia, 1 m baixa no anel e 2 m cadeia. Continuar o trabalho da ourela, unindo sempre tal como se descreveu, durante 8 vezes (a 8a vez é no canto). Rodar o trabalho e trabalhar de forma análoga no lado oposto externo.
FLOR GRANDE:
É trabalhada na curva interna mais ampla da serpentina acabada de executar.
Executar 6 m cadeia e fechar em círculo na m cadeia do início. 1a volta: Trabalhar 2 m cadeia, 9 m baixas. Terminar com 1 m rente na 2a m cadeia do início. 2a volta: * Para cada m de base trabalhar 5 m altas quíntuplas fechadas juntas (substituindo a 1a m por 5 m cadeia), 7 m cadeia *. Repetir de * até * durante 10 vezes. Terminar com 1 m rente na 5a m cadeia do início. 3a volta: * 1 m baixa (substituindo a 1a m por 2 m cadeia), 8 m baixas no arco seguinte *. Repetir de * até * durante 10 vezes. Terminar com 1 m rente na 2a m cadeia do início. 4a volta: * 1 m baixa (substituindo a 1a m por 2 m cadeia) para cada m de base *. Repetir de * até ” durante toda a volta. Terminar com 1 m rente na 2a m cadeia do início. 5a volta: @ 1 m baixa (substituindo a 1a m por 2 m cadeia), 7 m cadeia e fixá-las numa abertura da serpentina. Rodar, 3 m baixas, 1 borboto, 3 m baixas. Continuar o trabalho da 5a volta com * 1 m baixa, 1 borboto, 1 m baixa *. Repetir de * até * durante 2 vezes @. Repetir de @ até @ durante 7 vezes. Depois, trabalhar 1 m baixa, 7 m cadeia e fixá-las numa abertura da ourela de base. Rodar e trabalhar 4 m baixas e, depois, 3 m cadeia e fixá-las na abertura da ourela de base. Rodar e trabalhar 4 m baixas. Continuar com 4 m baixas nas outras m cadeia das 7 m cadeia trabalhadas antes. Depois, $ 1 m baixa, 1 borboto fixo na abertura de contacto da ourela, 1 m baixa, $. Repetir de $ até $ durante 3 vezes. Repetir de * até * durante 2 vezes. Depois, repetir de @ até @ durante 8 vezes. Terminar com 1 m rente na 2a m cadeia do início. Fechar. Cortar e rematar a linha. Executar deste modo 8 flores grandes.
FLORES PEQUENAS:
São trabalhadas na curva externa mais pequena da serpentina acabada de executar.
Executar 5 m cadeia e fechar em círculo na m cadeia do início. 1a volta: * 1 m baixa (substituindo a 1a m por 2 m cadeia), 4 m cadeia, 3 m altas triplas fechadas juntas, unidas num anel da serpentina, 4 m cadeia *. Repetir de * até * durante 6 vezes. Terminar com 1 m rente na 2a m cadeia do início, fechar. Cortar e rematar a linha.
ACABAMENTO EXTERNO:
1a volta: A partir do início da ourela em serpentina, trabalhar * 1 m baixa (substituindo a 1a m por 2 m cadeia), 9 m cadeia, saltar 1 anel *. Repetir de * até * durante 4 vezes. Trabalhar 3 m cadeia e fixá-las no anel de base. Rodar e trabalhar 4 m baixas. Trabalhar ainda 7 m cadeia, @ 7 m cadeia e fixá-las no mesmo anel. Rodar o trabalho e executar 3 m baixas, 1 borboto, 3 m baixas, 5 m cadeia, saltar 1 anel e, no anel seguinte, trabalhar 7 m cadeia. Rodar e trabalhar 3 m baixas, 1 borboto, 3 m baixas, 6 m cadeia @. Repetir de @ até @ durante 7 vezes, substituindo o último borboto por 1 m baixa. (Estamos entre as 2 flores grandes). $ Repetir de @ até @ durante 9 vezes. Substituir o 1o e o último borboto por 1 m baixa $. Repetir de $ até $ durante toda a renda. 2a volta: Virar e, em cada arco grande, trabalhar @ * 2 m baixas (substituindo a 1a m por 2 m cadeia), 1 borboto *. Repetir de * até * durante 3 vezes. Trabalhar ainda 2 m baixas C Nos arcos mais pequenos, trabalhar $ 2 m baixas, 1 borboto, 2 m baixas $ e, nos arcos de 6 m cadeia, trabalhar tal como está indicado entre $ e $, mas executando do seguinte modo: 10 m cadeia. Rodar e fixá-las na 1a m de base do arco por baixo. Rodar novamente e, no arco, trabalhar tal como está indicado entre @ e @. Continuar com este trabalho durante toda a renda, fechar. Cortar e rematar a linha.
CONFECÇÃO:
Coser a renda à toalha com pontos invisíveis sobre a ourela do início.

Compartilhe no:
  • Orkut
sexta-feira, setembro 30th, 2011 | Author:

Toalha amarela

TOALHA AMARELA COM LIMÕES.
De dificuldade média.
MATERIAL:
Linha de algodão Mouliné “Anchor” a 3 fios, 2 meadas para cada uma das seguintes cores: amarelo pintain-ho n° 292, verde azeitona n° 281, doirado n° 874; 1 meada para cada uma das seguintes cores: rosa n° 271, cor de limão n° 288, amarelo vivo n° 297, amarelo junquilho n° 290, verde claro n° 259, verde azeitona n° 280. Um carrinho de linha “Corrente” n° 50 em amarelo. Linha de algodão para alinhavar “PÁ” n° 24. Uma agulha de bordar sem bico n°16 e uma agulha de costura n° 9 “Milward”. Todos os produtos são da Coats & Clark. Tecido quadrilé “Anchor” Branco um quadrado com 50 x 50 cm, contendo 45 orifícios em 10 cm, distribuído pela Coats & Clark. Fita de nastro “Offray” em amarelo de dupla face de cetim com 220 cm de comprimento e 39 mm de altura, distribuída pela Coats & Clark. Tecido de linho amarelo um quadrado com 160x 160 cm.
PONTOS UTILIZADOS:
Ponto de cruz: Trabalhar segundo os esquemas e as legendas. Cada quadrado dos esquemas corresponde a um ponto de cruz. Cada ponto de cruz é feito sobre um quadrado do tecido quadrilé, tanto em largura como em altura.
AMOSTRA:
O motivo completo em ponto de cruz mede 37 cm de lado. A toalha depois de pronta mede 144 cm de lado.
EXECUÇÃO:
No tecido quadrilé e no centro, com a linha Mouliné a 3 fios, bordar o motivo dos limões. Saltar 17 quadrados em cima e em baixo, 22 quadrados no lado direito e 14 no lado esquerdo e bordar a cercadura. O esquema indica 1/4 do total; repetir os motivos durante ainda 3 vezes. À volta do tecido de linho alinhavar uma bainha com 4 cm, enviesando os cantos e coser. No centro da toalha, alinhavar o tecido quadrilé bordado e debruá-lo com a fita de nastro.

Compartilhe no:
  • Orkut
quarta-feira, setembro 28th, 2011 | Author:

Toalha de mesa com flores

TOALHA DE MESA COM GRINALDA DE FLORES.
Difícil.
MATERIAL.
Linha de algodão Mouliné “Anchor” a 3 fios, 4 meadas em verde petróleo n° 218; 3 meadas em damasco n° 8; 2 meadas para cada uma das seguintes cores: azálea n° 38, verde maçã n° 240, verde relva n° 243, limão n° 289, amarelo quente n° 291; 1 meada para cada uma das seguintes cores: rosa pálido n° 271, vermelho n° 9046, vermelho alaranjado n° 332, coral intenso n° 35, Linha Coton à Broder “Anchor” n° 25, 1 meada em branco. Linha de algodão para alinhavar “PÁ” n° 24. Uma agulha de bordar n° 9 e uma agulha de bordar sem bico n°16 “Milward”. Todos os produtos são da Coats & Clark. Tecido quadrilé “Anchor” branco 130 cm e com180 cm de largura, contendo 45 orifícios em 10 cm, distribuído pela Coats & Clark.
PONTOS UTILIZADOS:
Ponto de cruz: Trabalhar segundo o esquema e a legenda. Cada quadrado do esquema corresponde a um ponto de cruz. Cada ponto de cruz é feito sobre um quadrado do tecido quadrilé, tanto em largura como em altura. Ponto ajour em coluna: Executar como o ponto ajour simples, mas nos dois lados, prendendo o mesmo número de fios para os feixes. Ponto de cordão.
AMOSTRA:
A grinalda tem um diâmetro de 44 cm nos pontos máximos. A toalha, depois de pronta, mede 125 cm de lado.
EXECUÇÃO:
Cortar no tecido quadrilé um quadrado com 130 cm de lado. No interior a 2,5 cm das margens, desfiar um quadrado de tecido e alinhavar a bainha, enviesando os cantos. Com a linha Coton à Broder, prender a bainha com ponto ajour em coluna. Fazer o acabamento dos lados exteriores dos quadrados de canto com ponto de cordão. No centro da toalha, bordar a grinalda do esquema, repetindo-o de seta a seta. Os motivos excedentes após as setas são dados para determinar exactamente os pontos de ligação para as repetições.

Compartilhe no:
  • Orkut
quinta-feira, setembro 22nd, 2011 | Author:

Ponto cruz toalha de mesa

BARRA BORDADA AZUL.
Fácil:
MATERIAL:
Linha de algodão Mouliné “Anchor” a 3 fios, 2 meadas em azul n° 130 e flor-de-lis n° 131; 1 meada em azul claro n” 134. Um carrinho de linha “Corrente” n° 50 em branco. Uma agulha de bordar sem bico n°16 e uma agulha de costura n° 9 “Milward”. Todos os produtos são da Coats & Clark. Uma barra em tecido quadrilé “Anchor” branco com 70 cm de comprimento e 10 cm de largura, distribuída pela Coats & Clark.
PONTOS UTILIZADOS:
Ponto de cruz: Trabalhar segundo o esquema e a legenda. Cada quadrado do esquema corresponde a um ponto de cruz. Cada ponto de cruz é feito sobre um quadrado do tecido quadrilé, tanto em largura como em altura.
AMOSTRA: O motivo completo mede 32 x 8,5 cm.
EXECUÇÃO:
Com a linha Mouliné a 3 fios, bordar o motivo do esquema no centro da barra. Repetir o esquema simetrica-mente para ficar completo, com exce-pção do pon-to central. No final, embainhar as extre-midades da barra

Compartilhe no:
  • Orkut
terça-feira, setembro 20th, 2011 | Author:

Toalha pequena

TOALHA PEQUENA COM BORDADOS AZUIS.
De dificuldade média. MATERIAL:
Linha de algodão Mouliné “Anchor” a 3 fios, 2 meadas para cada uma das seguintes cores: azul celeste n° 130, flor-de-lis n° 131, azul claro n° 134. Linha de Tricotar Ancora n° 12, 50 g em branco. Um carrinho de linha “Corrente” n° 50 em branco. Linha de algodão para alinhavar “PÁ” n° 24. Uma agulha de bordar n° 9 e uma agulha de bordar sem bico n°16 “Mil-ward”. Uma agulha de crochet n° 1.00 “Milward”. Tecido adamascado com quadrados em tecido quadrilé um quadrado com 112 x 112 cm .
PONTOS UTILIZADOS:
Com a agulha de bordar: Ponto de cruz: Trabalhar segundo os esquemas 1, 2, 3 e 4 e a legenda. Cada quadrado dos esquemas corresponde a um ponto de cruz. Cada ponto de cruz é feito sobre um quadrado do tecido quadrilé, tanto em largura como em altura. Com a agulha de crochet: Malha de cadeia. Malha rente. Malha baixa. Malha alta. Malha no ar. Borboto: 3 m de cadeia e 1 m baixa na 1a m de cadeia.
AMOSTRA:
A renda em crochet tem 2,7 cm de largura. A toalha depois de pronta mede 114 cm de lado.
EXECUÇÃO:
No tecido alinhavar e coser à volta do tecido uma bainha com 1/2 cm, dobrada sobre o direito do tecido. De acordo com o desenho de composição, com a linha Mouliné a 3 fios, bordar nos quadrados em tecido quadrilé os motivos dos esquemas, alternando um quadrado sim e um quadrado não em xadrez. Renda em crochet: Com a linha de Tricotar Ancora executar 2.519 m de cadeia e fechar em circulo com 1 m rente. 1* volta circular: 3 m cadeia (= 1 m alta), na mesma m de base trabalhar 2 m altas (= canto), * em cada uma das 629 m cadeia seguintes trabalhar 1 m alta, depois, n m de canto seguinte trabalhar 3 m altas ‘; repetir de ‘ até ‘ durante toda a volta circular, suspendendo a última repetição das 3 m de canto. Terminar com 1 m rente na 3a m cadeia do início. 2a volta circular: em cada m trabalhar 1 m baixa, 1 m rente na 1a m baixa. 3a volta circular 6 m cadeia (3 m cadeia = 1 m no ar, 3 M cadeia = espaço), depois, na mesma m de base trabalhar 1 m alta (= espaço de canto), ” ” 1 m cadeia, saltar 1 m, 1 m alta na m seguinte *; repetir de * até * até ao canto seguinte, depois, na m de canto trabalhar 1 m alta, 3 m cadeia e 1 m alta “; repetir de ** até ” durante toda a volta circular, suspendendo o último canto e terminar com 1 m cadeia, saltar 1 m, 1 m rente na 3a das 6 m cadeia de início. 4a volta circular: 4 m cadeia (= 1 m no ar), no espaço de canto trabalhar: 2 m no ar, 6 m cadeia, inserir a agulha no cimo da última m no ar trabalhada e executar 1 m no ar, depois, 5 m no ar, 6 m cadeia, inserir a agulha na última m no ar trabalhada e executar 1 m no ar, 3 m no ar; ” ‘ saltar 3 espaços, no espaço seguinte trabalhar 3 m no ar, 6 m cadeia, inserir a agulha na última m no ar trabalhada e executar 1 m no ar e 3 m no arrepetir de” até * até ao canto. No espaço de canto trabalhar 3 m no ar, 6 m cadeia, inserir a agulha na última m no ar trabalhada e executar 1 m no ar, 5 m no ar, 6 m cadeia, inserir a agulha na última m no ar trabalhada e executar 1 m no ar e 3 m no ar ‘*; repetir de ” até ** durante toda a volta circular, suspendendo o último canto e terminar com 1 m rente na 4a m cadeia do início. Cortar e rematar o fio. Volta circular de acabamento interior: Inserir a agulha na base das m altas da 1a volta circular e trabalhar durante toda a volta circular 1 m baixa e 1 borboto, saltando a m central de cada canto. Terminar a volta circular com 1 m rente na 1″ m baixa. Cortar e rematar a linha. Aplicar a renda por cima da bainha.

Compartilhe no:
  • Orkut
domingo, setembro 18th, 2011 | Author:

Arte com toalhas

TOALHA COM CEREJAS.
Fácil.
MATERIAL (PARA A TOALHA MAIS 2 GUARDANAPOS):
Linha de Tricotar Ancora n° 12,150 g em vermelho n° 288 e 100 g em verde n° 277. Linha Coton à Broder “Anchor” n° 40,1 meada em branco cru n° 378. Um carrinho de linha “Corrente” n° 50 em branco cru. Linha de algodão para alinhavar “PÁ” n° 24. Uma agulha de crochet n° 1.00 “Milward”. Uma agulha de bordar n° 9 “Milward”. Todos os produtos são da Coats & Clark. Tecido de algodão xadrês em tons de branco cru 200 cm e com 160 cm de largura. Tecido de linho bege 150 cm e com 180 cm de largura.
PONTOS UTILIZADOS:
Com a agulha de crochet: Malha de cadeia. Malha rente. Malha baixa. Meia malha alta. Malha alta. Malha no ar. Com a agulha de bordar: Ponto ajour.
AMOSTRA:
A toalha depois de pronta mede 123 cm de lado. O guardanapo depois de pronto mede 44 cm de lado.
EXECUÇÃO:
Cereja grande (executar 52 para a toalha e 2 para cada guardanapo): Com a linha de Tricotar Ancora em vermelho n° 288 e a agulha de crochet executar 8 m cadeia. Ia volta: na 2a m cadeia da agulha executar 2 m baixas,
1 m baixa em cada uma das 5 m cadeia seguintes, depois, na m cadeia seguinte trabalhar 2 m baixas (= 9 m baixas), virar. 2a volta: 2 m baixas na m seguinte, 1 m baixa em cada uma das 7 m seguintes, 2 m baixas na m seguinte (= 11 m baixas), virar. 3° volta:
2 m baixas na m seguinte, 1 m baixa em cada uma das 9 m seguintes, 2 m baixas na m seguinte (= 13 m baixas), virar. 4″, 5a, 6a, 7a, 8a e 9a voltas: 1 m baixa em cada m. 10a e 11a voltas: saltar a 1a m, 1 m baixa em cada m até à penúltima m, virar (ficam a restar 9 m baixas). Sem cortar o fio, fazer o acabamento de toda a cereja com 1 volta circular de m baixas; terminar com 1 m rente na 1a m baixa. Cortar e rematar a linha.
Cereja pequena (executar 16): Trabalhar como se descreveu para a cereja grande, mas montando 6 m. Nas primeiras 2 voltas, aumentar para cada lado 1 m (= 11 m baixas). 3a, 4a, 5a, 6a e 7a voltas: 11. m baixas. Na 8a e na 9a volta, diminuir 1 m para cada parte (= 7 m baixas). Fazer o acabamento com m baixas. Folha grande (executar 52 para a toalha e 2 para cada guardanapo): Com a linha de Tricotar Ancora em verde n° 277 e a agulha de crochet executar 19 m cadeia. 1a volta circular: 1 m baixa na 2a m cadeia da agulha, 1 m baixa n m cadeia seguinte, 1 meia m alta na m cadeia seguinte, 1 m alta na m cadeia seguinte, 1 m no ar em cada uma das 10 m cadeia seguintes, 1 m alta na m cadeia seguinte, 1 m baixa em cada uma das 2 m cadeia seguintes, no outro lado das m cadeia de montagem trabalhar 2 m baixas, 1 meia m alta, 1 m alta, 10 m no ar, 1 m alta, 1 meia m alta e 2 m baixas, 1 m rente na 1a m cadeia de montagem. Cortar e rematar a linha. Folha pequena (executar 16): Com a linha de Tricotar Ancora em verde n° 277 e a agulha de crochet executar 15 m cadeia. 1″ volta: 1 m baixa na 2° m cadeia da agulha, 1 m baixa na m cadeia seguinte, 1 meia m alta na m cadeia seguinte, 1 m alta na m cadeia seguinte, 1 m no ar em cada uma das 6 m cadeia seguintes, 1 m alta na m cadeia seguinte, 1 m baixa em cada uma das 2 m cadeia seguintes, no outro lado das m cadeia de montagem trabalhar 2 m baixas, 1 meia m alta, 1 m alta, 6 m no ar, 1 m alta, 1 meia m alta e 2 m baixas, 1 m rente na 1a m cadeia de montagem. Cortar e rematar a linha. Pedunculos: com a linha de Tricotar Ancora em verde n° 277, executar 30, 20 e 14 m cadeia para três pedunculos de comprimentos diferentes e voltar sobre as m cadeia com m baixas.
CONFECÇÃO:
Cortar no tecido de algodão em xadrês um quadrado com 100 cn lado para a toalha e dois quadrs com 48 cm de lado para os guardi pos. No tecido de linho cortar 4 t cada com 125 x 26 cm. Dobra tiras e estender. Enviesar os cant alinhavar juntos para formar a cadura. Dobrar as margens da cadura em 1 cm, alinhavar ao longi quadrado, assentando o direito cc o direito, e coser nos 4 lados. Dob cercadura para o avesso, alinh ao tecido de algodão e coser 1 ponto escondido. De acordo co desenho, compor os ramalhetes cerejas e dispor nas devidas posiç fixando as várias partes com p< escondido. As cerejas e as fo grandes são em grupos de 2 e, cada canto, em grupos de 3. As c jas pequenas (as interiores) são postas individualmente entre os pos. No interior de 2 cm das març dos dois quadrados para os guard pos, desfiar 2 fios do tecido e alinh as bainhas, enviesando os car Com a linha Coton à Broder prenc bainha com ponto de ajour. Num c do guardanapo, aplicar um grupo cerejas e de 2 folhas com os peculos.

Compartilhe no:
  • Orkut
segunda-feira, setembro 05th, 2011 | Author:

Toalha de lino

Um pouco de estilo:
Fresco, harmonioso e elegante, este remate, executado sobre um finíssimo fio, quando aplicado a uma toalha de lino irá originar uma peça de requinta da elegância.

Compartilhe no:
  • Orkut
segunda-feira, setembro 05th, 2011 | Author:

Toalhas de mesa em croche

Eterno crochet.
Módulos diversos para criar qualquer coisa de novo.
Flores estilizadas ou pequenos quadrados que podem ser unidos a nosso belo prazer para costruir a peca que a imaginacao nos ditar em cada momento.

Compartilhe no:
  • Orkut